Pesquisador diz que a Bíblia comprova a existência da cidade de Atlântida
Pesquisador diz que a Bíblia comprova a existência da cidade de Atlântida

Internet27.02.2019 08:59      

Um pesquisador chamado Ryan Pitterson defende a tese que a Bíblia Sagrada comprova a existência da cidade perdida de Atlântida, famosa por ser o lar de seres mitológicos, além de ser o reino do Aquaman da DC, e de mais alguns personagens famosos da Cultura POP. Além de ser mencionada pelo antigo filósofo grego Platão em aproximadamente 350 a.C e alvo de profunda especulação no campo da ufologia e crenças místicas.


A conclusão de Ryan é resultado da correlação que ele fez entre os relatos bíblicos do livro de Gênesis, no capítulo 6, sobre a existência de “gigantes” na terra, e a narrativa de Platão sobre a cidade de Atlântida.


Havia naqueles dias gigantes na terra; e também depois, quando os filhos de Deus entraram às filhas dos homens e delas geraram filhos; estes eram os valentes que houve na antiguidade, os homens de fama”, diz a passagem bíblica, no verso 4.
A especulação é porque alguns teólogos defendem a tese de que os “filhos de Deus” mencionados na passagem do gêneses se refere a anjos, e que eles teriam tido, de fato, relações sexuais com mulheres humanas, gerando filhos com elas, os “gigantes”.


Assim, Ryan lembra que na mitologia grega há históricas semelhantes, cruzando essas informações para sustentar que tais relatos apontam para uma mesma realidade, a existência de Atlântida, inclusive usando outras passagens bíblicas como referência.


Um exemplo que realmente se destacou para mim foi a descrição da Atlântida de Platão. É quase notável como é semelhante a Ezequiel 31, que descreve a ascensão deste anjo caído procriando com muitos filhos e tendo um reino com uma abundância de recursos e rios, bem como um poder militar e, em seguida, isso se ter desmoronado. No relato de Platão, foi o deus grego Poseidon quem se apaixonou por uma mulher humana e a engravidou”, disse ele.


Os argumentos de Ryan foram apresentados em seu livro, chamado “Julgamento dos Nefilins”. Suas considerações, no entanto, também residem no campo da especulação, visto que há várias explicações possíveis sobre a menção aos gigantes e “filhos de Deus” descritos na Bíblia. fontes: Sputnik News.



Leia mais sobre:


Já ficou sabendo? Saiu vídeo novo em nosso Canal, confere ai!


Tato

"MANO... AquaAMÉM"

Siga o BdQNews
nas Redes Sociais:
     


RECOMENDADO PARA VOCÊ!
PUBLICIDADE

PUBLICIDADE