BdQNews BdCast Vídeos Palavra Nérdica Reviews Anuncie
×
Atriz de Star Wars é perseguida na internet por se recusar a promover agenda trans

Atriz de Star Wars é perseguida na internet por se recusar a promover agenda trans

Séries | Tato Campos - 13.10.2020 14:21 | Atualizado: 13.10.2020 16:15
    

Gina Carano foi perseguida por muitos na internet depois de se recusar a postar seus pronomes preferidos nas redes sociais.

Ativistas trans exigiram que a atriz de The Mandalorian, postasse em seu Twitter se ela queria ser chamada de ele ou ela, ou os chamados pronomes de gênero neutro, como zie ou zem.

Ela se recusou, postando: “Não vou colocá-los na minha biografia, mas bom para todos vocês que escolherem”, acrescentou que apoia a “liberdade de escolha” das pessoas.

A declaração da atriz repercutiu por meses e a atriz sofreu intimidações e insultos. Alguns usuários a chamaram de Racista, Transfóbico e Esquisita, outros diziam: “Espero que você morra”, “Espero que perca sua carreira” ou “sua gorda, você é feia”.

Em resposta, Gina Carano anunciou que seus pronomes eram “beep / bop / boop”, uma referência a R2D2, que foi feita para chamar a atenção para o abuso online que ela sofreu.

Ela foi acusada de “zombar de pessoas trans”, e os ativistas pediram que fosse demitida pela Disney.

Porém, a atriz explicou: “Beep / bop / boop não tem nada a ver com zombar de pessoas trans e 100% a ver com expor a mentalidade agressiva da multidão que assumiu as vozes de muitas causas genuínas.”



LEIA MAIS SOBRE:
Siga o BdQNews
nas Redes Sociais:
     

Ei! Você mesmo... Que tal conferir nosso novo vídeo em nosso Canal?

RECOMENDADO PARA VOCÊ!
PUBLICIDADE