Raio Negro | Um heri se aposenta?


Artigo: 14/02/2018



Não faz muito tempo que a Netflix apostou em mais um herói secundário para o levar a uma nova realidade televisiva, estamos falando de Raio Negro (Black Lightning) a mais nova serie de super-herói que conta a história de Jefferson Pierce, um diretor de escola, professor de inglês e literatura, atleta medalhista olímpico e pai de família se apresenta como o aposentado herói Raio Negro, que tem poderes elétricos, mas não os usa, pois defende que já salvou mais vidas sendo diretor, do que sendo Raio Negro.

 

Porém a máfia não descansa e está começando a alvejar os jovens e crianças de sua cidade, então Jeff Pierce vê a necessidade de vestir o manto de Raio Negro mais uma vez, para garantir um futuro descente para suas filhas e os jovens da escola onde é diretor.

 

Um dos pontos mais interessantes dessa série é que, como padrão Netflix, não é uma série padrão de herói, como estamos acostumados, não é uma série de origem, ou uma série de aventuras e amostras soltas de poderes. Ela vai além, assim como em Jessica Jones e Luke Cage, ela não foca nas habilidades do herói, e sim nas dificuldades e humanidade do personagem. Em Raio Negro, vemos um pai que faria de tudo para proteger sua família, até mesmo reativar sua vida de vigilante.

 

Raio Negro é uma aposta muito boa da Netflix, pois é um herói que faz com que as pessoas se identifiquem com ele, todos nós já paramos de fazer alguma coisa pelas responsabilidades, dificuldades, ou até mesmo por razões que o que fazíamos estava nos machucando. Nos desviamos de conflitos, nos afastamos de ministérios pois eles nos machucam enquanto ajudamos as pessoas, saímos dos lugares que frequentamos, pois não queremos “apanhar” tanto por um bem maior.

 

Então nesse período de “hibernação” nós nos encontramos na necessidade de usar nossos dons em algum outro lugar, e o ciclo inicia-se mais uma vez, até chegarmos no ponto que não está mais vantajoso para nós ficar com o papel de herói, o mundo não precisa de mim, as pessoas não precisam olhar para mim para ter um exemplo. Nos esquecemos que nas Escrituras Sagradas, o Apóstolo Paulo nos recomenda olhar para ele, pois ele era imitador de Cristo, combatendo todos os comentário do tipo “Não preciso olhar para homens”, derrubando qualquer pensamento maquiavélico do homem em justificar seus erros apenas por ser humanos.

 

Nós somos guerreiros de um Senhor dos exércitos, nosso trabalho é ser o herói que o mundo precisa, Deus, o Criador, nos criou com o propósito de glorificar o nome dEle, e através de nossos dons e habilidades, ajudando as pessoas, lutando contra as potestades, sendo herói, é que vamos fazer a diferença nesse mundo.

 

Que não sejamos como Jeff e corramos atrás da nossa aposentadoria ministerial, mas sejamos como Jeff no despertar de um chamado que é maior que tudo.




Leia tambm: Raio Negro Ministrio



Tato
"Voc est aposentado ministerialmente?"






VOC VAI CURTIR ISSO DAQUI:

Artigo // 10/08/2017 - 21:09
Daniela Arajo um Tony Stark
O Demnio no est apenas na garrafa
Artigo // 24/07/2018 - 11:52
Como Shazam recebeu seus poderes?
Guarde seu corao, pequeno gafanhoto!!!
Artigo // 05/02/2018 - 07:21
Super Bowl e a comunho
Vamos ter gente conosco





COMENTRIOS

Artigos de Tato
Espantalho e o poder do medo
Artigo // 01/10/2018 - 19:26
Capit Marvel e a Esperana de um Salvador
Artigo // 24/09/2018 - 13:59
Identidade Secreta | Os perigos da vida dupla
Artigo // 10/09/2018 - 11:52
The Sims | E se voc fosse Deus?
Artigo // 03/09/2018 - 09:46
Batman e Robin, um filho adotado e um parceiro
Artigo // 27/08/2018 - 11:22






ltimas Noticias